Campanha de vacinação contra sarampo, caxumba e rubéola é intensificada em crianças e jovens em RO

A mobilização nacional de vacinação , Dia D, inicia neste sábado (15) a partir das 8h.  O Dia D é voltado à vacinação de crianças e adolescentes entre 5 e 19 anos de idade. 

Rondônia recebeu no final do ano passado cerca de 100 mil doses de vacinas tríplice viral para combater o sarampo, caxumba e rubéola. A campanha nacional de vacinação iniciou na última segunda-feira (10) e segue até o dia 13 de março com foco em crianças e adolescentes entre 5 e 19 anos de idade.

A expectativa, segundo a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), é manter a população protegida pelo terceiro ano consecutivo, um destaque em comparação a outros estados que apresentaram casos confirmados da doença.

"Nós estamos cumprindo a meta estipulada pelo Ministério da Saúde em manter a cobertura de vacinação acima dos 95%. O sarampo, embora seja uma doença contagiosa, está sob controle em Rondônia. Não tivemos nenhuma confirmação de casos nos últimos três anos", enfatizou o coordenador estadual de imunização da Agevisa, Ivo Barbosa.

CONTÁGIO

Ele explica que o ar é o principal meio de contaminação do sarampo. Através de espirros, tosses ou pela fala, a pessoa infectada contamina outras pessoas, e a vacinação é a única forma de prevenção eficaz. Crianças e adultos de 1 a 29 anos de idade tomam duas doses da vacina, e de 30 a 49 anos tomam apenas uma dose.

"A faixa etária que estamos vacinando agora, nesta etapa, de 5 a 19 anos, é uma das mais difíceis, pois se trata da população adolescente, e muitos não costumam se vacinar. Por isso, pedimos a todos os pais ou responsáveis que incentivem os filhos, e parentes nessa faixa etária, a procurarem as Unidades Básicas de Saúde neste sábado (15) ou até o encerramento da campanha", alertou o coordenador.

DIA D

A mobilização nacional de vacinação (Dia D) inicia neste sábado dia (15) a partir das 8h. Segundo o coordenador, todas as Unidades Básicas de Saúde de Rondônia foram abastecidas com doses da vacina. "As unidades de saúde abrem as portas a partir das 8h da manhã no sábado, com encerramento às 17h.

"Para a vacinação basta apenas levar o cartão de vacina ou documento de identificação. Vale ressaltar ainda que a população pode atualizar o cartão de vacina no dia, se protegendo destas e de outras doenças", avaliou o coordenador. 

Veja mais notícias sobre SaúdeGeralBrasil.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/