Você conhece a sua linguagem do amor?

Foto: Arquivo Pessoal

Essa semana resolvi escrever sobre o best-seller "As Cinco Linguagens do Amor"; que foi escrito pelo pastor e filósofo americano, Gary Chapman, ele afirma que existem cinco formas de você comunicar amor. Essas cinco formas também o ajudarão a entender qual a forma de amor que as pessoas que estão ao seu redor gostam de expressar e receber. A comunicação é muito importante nos dias de hoje e ainda mais se descobrimos qual é a forma que comunicamos amor.

Saber se comunicar é uma virtude. É essencial para qualquer pessoa, e muito importante para um líder. Grande parte da nossa comunicação vem de formas não verbais e isso se reflete também nas linguagens de amor. Fazendo uma comparação a uma palestra, imagine uma pessoa que fala outro idioma fazer uma grande apresentação com belas palavra, mas o público não entende o idioma. Algo muito parecido ocorre na linguagem de amor. Se você apenas se comunica em um tipo de linguagem, bem provavelmente as pessoas que não entendem essa sua forma de se expressar não se sentem amadas.

Faça um teste procure descobrir qual é a sua própria linguagem do amor e das pessoas que você convive, assim você conseguirá se comunicar de forma mais assertiva e vai poder colocar em pratica as outras linguagens de amor que você não domina. Sugiro a todos a leitura do livro, aqui segue um breve resumo.

Segundo o autor Gary Chapman, as cinco linguagens do amor são:

1 – Palavras de Afirmação

A primeira das 5 Linguagens do Amor é "Palavras de Afirmação".

Basicamente, são palavras encorajadoras, carinhosas e gentis que seu parceiro valoriza. Você pode elogiar alguma característica dele, você pode falar como ela fica linda com o vestido novo, você pode reconhecer alguma habilidade especial que ele tenha, ou até dizer o quanto você é grato pelas coisas que ela faz. Ou então, vamos supor que ele tenha o sonho de escrever. Você poderia encorajá-lo a conquistar esse objetivo.

A intenção é sempre reconhecer suas qualidades e contribuir com a expansão do seu potencial. Uma dica é pegar um caderno, quando estiver sozinho, e listar as qualidades do seu parceiro e os sonhos dele, e escrever diversas frases de afirmação para fazer. Isso pode deixar tudo mais claro.

2 – Qualidade de Tempo

Vivemos na era das distrações, e muitas pessoas acabam confundindo quantidade com qualidade. Se você é daquelas pessoas que presta mais atenção no seu celular no que no seu namorado, ou se você fica vendo televisão ou mexendo no computador enquanto sua esposa fala com você… É bem provável que eles não se sintam amados desse jeito.

Qualidade de tempo significa total atenção ao seu parceiro. Sem distrações! É estar completamente presente e focado nele ou nela, para que possam se sentir amados, respeitados e valorizados. Vocês podem estar apenas sentados no sofá, ou podem estar fazendo uma atividade juntos. Pode ser um esporte, uma caminhada, cozinharem uma refeição juntos ou até lavarem o carro.

Independentemente do que vocês estejam fazendo, o mais importante é que estejam juntos, presentes, e dedicando o tempo de um ao outro.

3 – Receber Presentes

Desde as antigas civilizações, dar presentes é uma ótima maneira de demonstrar amor. Isso acontece, pois os presentes podem ser símbolos, representações materiais do verdadeiro sentimento que temos pelo outro. E não pense que é o preço do presente que importa. Quando falamos de amor, o mais importante é o gesto de presentear, é o fato de ter uma ideia e de se lembrar da pessoa, e é claro, do significado que o presente possui.

Por exemplo, provavelmente sua namorada irá se sentir muito amada se você comprar um pingente que lembre aquela viagem inesquecível que vocês fizerem juntos. Você deve ser criativo e você pode até criar os presentes.

Para algumas pessoas, entre as 5 linguagens de amor, essa talvez pareça ser a mais cara. Mas se você tiver que gastar dinheiro para presentear a pessoa amada, eu sugiro que você não encare isso como um custo. Veja como um investimento no tanque do amor de seu parceiro. E com grande potencial de retorno.

4 – Formas de Servir

Entre as 5 linguagens do amor, esta talvez seja a mais surpreendente e inusitada para algumas pessoas.

Por exemplo, alguns homens podem se sentir verdadeiramente amados pelas esposas que lavam suas roupas, preparam a comida antes que eles cheguem em casa ou que cuidam das crianças. Acredite, esta é uma linguagem de amor bem comum. Da mesma forma, algumas mulheres se sentem amadas pelos maridos que consertam as coisas em casa, que colocam o lixo para fora ou até que trocam a fralda do bebê.

"As formas de Servir" são tarefas que seu parceiro considera úteis e que para ele tem grande valor, e que ele adoraria que você fizesse por ele. O segredo aqui é que as Formas de Servir não devem ser cobradas e nem devem ser feitas por obrigação. Se sua parceira se sentiria amada se você cortasse a grama da casa, então faça isso voluntariamente, faça porque você quer agradá-la e porque você realmente se importa com ela.

5 – Toque Físico

Tocar a pessoa amada, de diversas maneiras, também é uma ótima maneira de demonstrar amor. Pode ser um abraço, um beijo, um carinho, uma massagem, ficar encostado um no outro, deitar no colo, ou até andar de mãos dadas.

Evite ficar fazendo as coisas apenas do jeito que você gosta. O importante é que ele goste da maneira como está sendo tocado e que se sinta amado. Você pode até experimentar um novo jeito de fazer carinho ou numa nova técnica de massagem, e peça para que ele diga o que acha. Essa é uma ótima maneira de preencher o tanque do seu parceiro com a linguagem de amor que ele tanto aprecia e deseja.

Agora que você sabe quais são as 5 linguagens do amor, você precisa aprender como aplicá-las. Será que já consegue identificar em qual delas, você mais se encaixa? Ou já consegue identificar qual linguagem que as pessoas que você convive usam? 

Veja mais notícias sobre Colunas.

Veja também: