Profissionais da saúde devem ser vacinados ainda este mês em Vilhena

Confira a tabela com as fases de vacinação, os grupos prioritários e quantidades de doses. 

Foto: Ilustrativa

O Governo do Estado anunciou que receberia 68 mil doses em janeiro, porém, o Governo Federal revisou essa quantidade e divulgou hoje (18) que para Rondônia são 33 mil. Na primeira perspectiva tínhamos a previsão de receber 3 mil doses para o Cone Sul, ficando 1 mil para Vilhena. No entanto pode ser menos com essa revisão de hoje.

Vilhena já tem 21 salas de vacina preparadas para receber as doses e os pacientes. É responsabilidade da Prefeitura dentro do Plano Estadual de Vacinação: Coordenação e aplicação das doses, notificação e investigação de eventos adversos, gerência do estoque municipal de vacinas, descarte e destinação final dos frascos, seringas e agulhas, bem como gestão dos dados da vacinação.

A Prefeitura de Vilhena vai basear sua estratégia local no Plano Estadual de Vacinação, com os mesmos grupos prioritários definidos pela Secretaria de Estado de Saúde, que, por sua vez, fez seu plano com base no plano nacional. A tabela com os grupos segue abaixo. A expectativa é que nesta primeira remessa, prevista para chegar nesta semana, será possível vacinar somente o primeiro público da 1ª fase em Vilhena, que são os trabalhadores de Saúde. Somente na Prefeitura há mais de 700 servidores da Saúde.

Sobre a chegada das vacinas a previsão é que as doses saiam de São Paulo nesta segunda-feira, cheguem em Porto Velho hoje mesmo. Então serão separadas e armazenadas em caminhões de câmara-fria e distribuídos aos municípios. Assim que chegarem na Regional de Vilhena, serão classificadas e preparadas para os profissionais de Saúde serem vacinados. Devido à quantidade limitada neste primeiro lote, a vacinação acontecerá de maneira controlada, sem acesso ao público restante, que será contemplado com a vacinação pela ordem do Plano, conforme as doses chegarem.

Atualmente o Município está definindo o número de profissionais e equipes que farão a vacinação, além de organizando estrutura necessária para aplicação de vacinas por meio de drive-thru para o público idoso, quando estiverem disponíveis as vacinas suficientes.

A Central Regional de Rede de Frio de Vilhena, da Regional de Saúde do Estado em Vilhena é que vai receber as doses para então repassar à Prefeitura. O local tem cinco câmaras para conservação de imunobiológicos de 1500 litros cada, 01 geladeira comercial de 04 portas com capacidade de acondicionamento de 30.000 doses, capacidade de conservação total de 770.000 doses de vacinas, 03 freezers convencionais de 548 litros e um caminhão baú refrigerado. Inclui estrutura técnico-administrativa para conservação dos imunobiológicos até o usuário, incluindo as etapas de recebimento, armazenamento, distribuição e transporte, de forma oportuna e eficiente para os 7 (sete) municípios de sua de abrangência: 1. Vilhena 2. Chupinguaia 3. Colorado D’Oeste 4. Cabixi 5. Cerejeiras 6. Pimenteiras do Oeste 7. Corumbiara.

Fonte: SEMCOM

Veja mais notícias sobre Vilhena.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/