Câmara rejeita denúncia contra a vereadora Vivian Repessold

Com 8 votos contrários ao recebimento e 3 abstenções, a denúncia foi arquivada.

Vivian Repessold Foto: Anderson Ferreira

Parlamentares rejeitaram na quarta sessão ordinária realizada nesta terça (2) o recebimento de denúncia contra a vereadora Vivian Repessold. A denúncia foi arquivada.

O documento solicitava a instauração de Comissão Processante, nos termos dos artigos 72 e 73 da Resolução 030 de 2020 (Regimento Interno da Câmara de Vereadores de Vilhena), em razão de supostas práticas de infrações político-administrativas graves cometidas no período de pré-campanha para o atual pleito.

Na denúncia, protocolada pelo eleitor Bruno César Oliveira Silva, contém acusações referentes a distribuições de cestas básicas feitas por ela e pelo ex-secretário de educação, Willian Braga, durante período eleitoral. Também consta no documento, acusação de usar dois servidores da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) para trabalhos em sua campanha, caracterizando desvio de função. E por fim, que se utilizou de sua autoridade para com os servidores e veiculou propaganda eleitoral em perfil de órgão público municipal.


Em entrevista a nossa equipe, a vereadora falou sobre as acusações. “Essa denúncia nós recebemos em cima da hora, no início da sessão. Nós não tivemos acesso a esse documento. Nenhum vereador teve conhecimento desta denúncia. Eu concordo que ela seja feita da forma que foi aqui pelo plenário. Nem eu que sou a acusada, sei do que estou sendo acusada. Lógico que eu tenho conhecimento da matéria, chegou a Câmara de Vereadores agora, mas já passou pelo Ministério Público e também pela Polícia Federal aonde ainda teremos uma audiência sobre isso. Mas, no caso aqui não temos conhecimento dessa denúncia formalmente”, explicou.

Ainda segundo Vivian tudo foi feito dentro da legalidade e classificou como uma perseguição política as denúncias. “Não tenho dúvidas disso, mas como não temos provas, nós ficamos com nossos pensamentos para gente. Mas, isso é para poder atrapalhar tanto a casa de leis, quanto ao meu mandato. Não cheguei aqui de forma fácil, mais incomodando muita gente e é esse o resultado”, ressaltou.

Leia documento na íntegra.

   

Veja mais notícias sobre PolíticaVilhena.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/