Mais 90 profissionais de Saúde: Prefeitura de Vilhena publica edital de teste seletivo, veja documento

Linha de frente no combate à pandemia do novo coronavírus receberá reforço com contratações emergenciais 

CONTRATAÇÃO AUMENTA FORÇA de combate à covid-19 em Vilhena já a partir da próxima semana
Para aumentar a oferta de atendimento no combate à covid-19 em Vilhena, a Prefeitura publicou nesta quinta-feira edital de teste seletivo para contratação de 30 médicos, 10 enfermeiros, 40 técnicos em enfermagem e 10 fisioterapeutas, totalizando 90 profissionais de Saúde para atuação na Central de Atendimento à Covid-19. As inscrições ficam abertas do dia 3 de julho ao dia 5 de julho




Acesse o edital na íntegra pelo link​:
Os salários variam R$ 1.158 a R$ 6.615 mais auxílio, que varia de R$ 800 a R$ 3.500, mais benefícios e mais plantões extras, que podem chegar a R$ 3.500. A homologação das inscrições acontece no dia 6, a divulgação do resultado da avaliação de títulos no dia 7, os recursos poderão ser feitos no dia 8, com resposta aos recursos no dia seguinte e também homologação e divulgação do resultado final já no dia 9 mesmo.

"Nossa missão é oferecer atendimento à população com qualidade e isso passa pelas mãos de nossos profissionais, que estão sendo guerreiros nesta pandemia. Com esta contratação poderemos aumentar nossa capacidade em atender os pacientes que aumentam rapidamente no município", explica o secretário municipal de Saúde, Afonso Emerick.

Com vigência de 6 meses podendo ser prorrogados, os contratos só poderão ser firmados com os candidatos que passarem pela fase de avaliação de etapa única, que é a prova de análise de currículo e avaliação de títulos, de natureza eliminatória e classificatória.

As inscrições são vedadas aos candidatos que se enquadrem no grupo de risco da covid-19, ou seja, pessoas com 60 (sessenta) anos ou mais de idade, gestantes, portadores de doenças respiratórias crônicas, cardiopatas, diabetes, hipertensão e ou outros problemas de saúde que integrem o grupo de risco da doença.



Semcom



Veja mais notícias sobre CidadesGeralSaúdeEditaisVilhena.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/