Pastor da Quadrangular que abusou de fiel em Cacoal é condenado pela justiça 2 anos depois do crime

O abusos começaram quando a vítima foi buscar aconselhamentos matrimoniais. 

Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Cacoal prendeu ontem (27) o pastor evangélico, Renato Aparecido Castorino, da igreja Quadrangular. Ele foi condenado por tentativa de estupro a uma fiel em 2018, quando ela foi buscar um aconselhamento matrimonial.

Segundo a denúncia do Ministério Público, a vítima frequentava a igreja junto com seu marido, e por conta de uma crise no casamento, o esposo pediu que o pastor passasse a aconselhar a mulher, que segundo ele, ‘estava em crise’. O pastor passou a tratar a vítima com intimidade. Certa noite, ele chamou a mulher para jantar com o argumento que tratariam de ‘aconselhamento’ e na volta, quando ele deveria deixa-la em casa, pediu que ela sentasse no banco da frente de seu carro e teria dito “eu estou realmente louco por você, tive um sonho fazendo amor com você”.

Ainda de acordo com a denúncia, os abusos intensificaram, o pastor passou a mão na coxa da vítima e pediu-lhe um beijo, o que foi negado por ela. Diante da negativa, Renato a puxou com força e beijou sua boca e pescoço. Após, pediu perdão e foi embora. Na mesma noite, o denunciado retornou à residência da vítima, azo em que, utilizando-se da sua força física, passou a beijá-la e acariciá-la sem sua concordância. Em seguida, também valendo-se da força, passou a mão nas partes íntimas de Verônica e friccionou seu pênis contra ela. Após a insistência da vítima para que o denunciado cessasse a conduta, Renato acabou deixando o local.

Nas redes sociais, Castorino se apresenta como “Cristão, Esposo, Pai, Amigo, Assessor Parlamentar, Coach em Treinamento, Gestor Público”. Ele trabalhou como assessor do ex-deputado estadual Cleiton Roque e atualmente com o também deputado Cirone Deiró (Podemos), de Cacoal.

*Informações ROAGORA 

Veja mais notícias sobre CacoalPolícia.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/