Testemunhas de Jeová planejam lançar Bíblias em 36 idiomas em 2021

A tradução é feita por equipes de tradutores voluntários que moram nos lugares onde a língua- alvo é falada. 

Foto - Cortesia das Testemunhas de Jeová

Em 2020, as Testemunhas de Jeová lançaram a Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada (TNM) em 33 idiomas diferentes — o maior número de lançamentos em um ano desde sua primeira tradução da Bíblia, em 1950. Até março de 2021, a TNM estava disponível, inteira ou em parte, em 200 línguas.

Um dos marcos no seu trabalho de tradução em 2020 foi o lançamento da primeira Bíblia completa em língua de sinais americana (ASL), em 15 de fevereiro. No discurso de lançamento na Flórida, Geoffrey Jackson, membro do Corpo Governante das Testemunhas de Jeová, disse: “Até onde sabemos, as Testemunhas de Jeová são a primeira organização ou grupo a lançar uma Bíblia completa em língua de sinais americana. E esta é provavelmente a primeira Bíblia completa em língua de sinais na história da humanidade.”

A maior parte da Bíblia (TNM) em língua brasileira de sinais já está traduzida, e espera-se que a versão completa fique disponível ao público em breve.

As Testemunhas de Jeová produzem e distribuem Bíblias desde o início do século 20. Com o tempo, elas adquiriram os direitos de impressão das versões em inglês King James e American Standard, entre outras.

Geoffrey Jackson (centro), membro do Corpo Governante, durante o programa de lançamento da Bíblia em ASL em 15 de fevereiro de 2020

Mas, na década de 40, as Testemunhas de Jeová começaram a trabalhar numa tradução para o inglês moderno. Um dos objetivos principais era restaurar o nome de Deus, Jeová, nos mais de 7 mil lugares na Bíblia onde outros tradutores o tinham substituído por títulos, como “Senhor”. A partir de 1950, a Tradução do Novo Mundo foi sendo lançada em partes até ser completada em 1961.

Sobre a Tradução do Novo Mundo das Escrituras Gregas Cristãs (ou Novo Testamento) o crítico bíblico britânico Alexander Thomson escreveu em 1952: “Ao que parece, essa tradução é o trabalho de estudiosos peritos e talentosos que procuraram transmitir do melhor modo possível em inglês o verdadeiro sentido do texto grego.” Ele concluiu: “Gostaríamos de ver todos os nossos leitores com um exemplar dessa versão. Ela será uma aquisição muito valiosa para as suas bibliotecas.”1

A versão completa em português foi lançada no Brasil em 1967, e em 1987 foi lançada uma edição para estudo, com referências. Na época, a revista Veja descreveu essa tradução como a “mais completa versão das Escrituras” no país.2


Em 2013, as Testemunhas de Jeová lançaram a edição revisada da Tradução do Novo Mundo em inglês. Entre outras mudanças, ela usa uma linguagem mais moderna e mais simples, o que facilita a leitura e a tradução para outras línguas. A edição revisada em português foi lançada em 2015.

Augusto Machado, que usa a TNM há mais de 50 anos, disse: “Além de ser exata, ela é mais fácil de ler e entender. É uma ótima tradução para se conhecer o nome de Deus, Jeová, e a vontade dele.

A tradução é feita por equipes de tradutores voluntários que moram nos lugares onde a língua- alvo é falada. Todo o trabalho de tradução, edição e impressão realizado pelas Testemunhas de Jeová é mantido por donativos voluntários. Isso permite que elas distribuam a Tradução do Novo Mundo no mundo todo sem custo.

Em 2021, as Testemunhas de Jeová planejam lançar a Bíblia inteira ou em parte em mais 36 idiomas. Você pode ler ou baixar essa Bíblia em português ou em outros idiomas no site jw.org.

Segundo o porta voz local das Testemunhas de Jeová, Roberto Simplicio, a evangelização tem ajudado as pessoas neste período de pandemia. “As Testemunhas de Jeová são reconhecidas mundialmente pela sua forma de compartilhar a mensagem da bíblia em suas visitas de casa em casa. Porém, devido a pandemia do coronavírus, desde março de 2020 elas suspenderam suas atividades de porta em porta e mudaram as reuniões presenciais para videoconferência. A pandemia afetou a vida de todos de uma maneira inesperada, fazendo as pessoas se sentirem sozinhas e isoladas. A Bíblia pode ajudar a todos nós a lidar melhor com os problemas causados pelo isolamento e a evitar a ansiedade desnecessária. Por isso, as Testemunhas de Jeová se adaptaram às novas circunstâncias. Alguns ligam para os contatos nos seus celulares ou fazem chamadas por vídeo para conhecidos, parentes ou vizinhos. Outros enviam e-mails e alguns preferem escrever cartas. Durante o período de isolamento, cada Testemunha de Jeová avalia as suas circunstâncias e decide o que fazer para não parar de “declarar as boas novas” (Atos 5:42)”, explica.

Roberto ainda enfatizou a importância da tradução em mais línguas. “As Testemunhas de Jeová acreditam que a Bíblia é a Palavra de Deus para o homem. Quando lemos as promessas do Criador em nosso idioma nativo, isso toca fundo no nosso coração, nos consola e motiva a agir segundo a vontade de Deus. Queremos contribuir para que todas os povos, línguas e grupos étnicos tenha essa maravilhosa experiência”, encerra.

Fonte: Assessoria

   

Veja mais notícias sobre Brasil.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/