"Novo Lázaro" assassino está foragido após matar 3 pessoas em Goiás

O acusado matou a mulher grávida, uma criança de 2 anos e uma terceira pessoa 

Foto: Reprodução

Acusado de matar a mulher grávida em Corumbá de Goiás (GO), o caseiro Wanderson Mota Protácio, de 21 anos, está sendo procurado pelas polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal (PRF). Apelidado de "Novo Lázaro", o suspeito teria cometido os crimes no último dia 28 e desde então está foragido. As informações são do G1 e do jornal O Globo.

Ele é acusado de matar Ranieri Aranha Figueiró, de 19 anos, que estava grávida, a enteada, Geysa Aranha, de 2 anos e nove meses, e o fazendeiro Roberto Clemente de Matos, de 73 anos. O homem também teria tentado estuprar a mulher de Roberto, que foi baleada no ombro, fingiu-se de morta e depois pediu ajuda para vizinhos.

Conforme a Polícia Militar, Ranieri e Geysa foram mortas a facadas. Já Roberto Clemente foi morto com um tiro na cabeça. Após o crime, o homem roubou a caminhonete Chevrolet S10 do fazendeiro. No meio do caminho, ele se acidentou e abandonou o veículo.



Veja mais notícias sobre Brasil.

Veja também:

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.ronoticias.com.br/